Home » PETAR

O PETAR – Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira, é uma das principais Unidades de Conservação do Brasil. 70% de sua área está no município de Iporanga.

Em conjunto com os parques da Caverna do Diabo, Intervales, Carlos Botelho e Ilha do Cardoso compõem um importante corredor ecológico. Hoje chamado de Continuum da Mata Atlântica.

Por ser uma U.C. é possuir fiscalização é nele que encontramos uma grande quantidade do Palmito Juçara – Euterpe edulis. Seu fruto é um dos principais alimentos para as aves.

O Núcleo de Santana é excelente para a observação. Logo na entrada há um mirante (Mirante do Núcleo de Santana) aonde é comum avistar Arapongas – Procnias nudicollis e Surucuá Grande de Barriga Amarela - Trogon viridis. Durante o inverno, época de algumas frutas, como a Mexerica, avistamos com facilidade logo na portaria Sábia Cica -Triclaria malachitacea.

Bandos mistos, bandos se saíras são comuns em todo o núcleo. Na Trilha do Betari durante os meses de março a junho podemos avistar um bando de Jacutingas – Aburria jacutinga e um casal de Macucos – Tinamus solitarius.

Ao final da Trilha do Betari, ao chegarmos na Cachoeira das Andorinhas, podemos avistar um bando de mais de 100 espécies de Taperuçu Velho - Cypseloides senex. Os nativos deram nome à cachoeira, imaginando ser um bando de Andorinhões.

Para entrar no Núcleo de Santana é obrigatório estar com um monitor local. Ele abre às 8hs e fecha às 17hs. Esteja atento aos horários. Nenhum das trilhas são permitidas serem feitas sem o acompanhamento de um monitor local. O custo do ingresso é de R$ 6,00 por pessoa.

Para mais informações acesse o portal do parque: PETAR Online